Modelo de O.S.

BAIXAR

Como a segurança do trabalho pode ajudar a prevenir doenças ocupacionais

Como a segurança do trabalho pode ajudar a prevenir doenças ocupacionais

A segurança do trabalho é uma importante aliada no dia a dia da sua empresa, independente do ramo de atuação. No caso de indústrias ou de empresas que oferecem serviços de atendimento técnicos e com equipes externas, é um ponto crucial para cuidar da segurança dos colaboradores. Isso engloba também as doenças ocupacionais. 

A segurança do trabalho é o conjunto de ciências, tecnologias e processos que visam proteger o trabalhador em seu ambiente de trabalho. Todas essas medidas ajudam a evitar não somente acidentes como também problemas com doenças ocupacionais, promovendo campanhas promovendo a saúde e o bem-estar. Um exemplo rotineiro de doença ocupacional é a LER (Lesão por esforço repetitivo).

Já falamos, aqui no blog, da importância da segurança do trabalho e também de como a padronização dos processos são vitais para se ter uma boa segurança do trabalho.

Segundo dados da Organização Internacional do Trabalho (OIT), anualmente, surgem 160 milhões de novos casos de doenças ocupacionais. Outro dado alarmante trazido pela organização é o registro de mais de 2 milhões de mortes relacionadas aos acidentes de trabalho, sendo 1,574 milhão devido a doenças ocupacionais.

Sendo assim, investir na segurança do trabalho e na promoção do bem-estar e da saúde são temas importantíssimos para evitar doenças ocupacionais, melhorando o dia a dia da sua empresa.

Como prevenir doenças ocupacionais

Antes de falar em como prevenir, vamos explicar o que é uma doença ocupacional. O termo se refere a várias doenças que causam alterações na saúde do trabalhador e normalmente provocadas por fatores e questões relacionados ao ambiente de trabalho.

Independente da área de atuação, o dia a dia da maioria dos profissionais é corrido e cansativo – sem falar do trânsito das grandes metrópoles, que deixa as pessoas ainda mais estressadas. Portanto, os trabalhadores estão expostos diariamente a diversos fatores de risco, como levantamento de peso, estresse, postura inadequada e repetição de algo movimento (clique em um mouse, por exemplo).

As doenças ocupacionais mais comuns são:

  • LER (já citado)
  • Transtornos mentais: depressão, ansiedade e estresse pós-traumático
  • Transtornos auditivos: perda de audição total ou parcial
  • Dorsalgias: as famosas dores e problemas de coluna, causadas por diversos fatores, como má postura e sedentarismo
  • Membros inferiores: varizes e tromboses são comuns em profissionais que trabalham muito tempo em pé ou sentado, devido a pouca movimentação

Então, é sempre importante prevenir para não trazer problemas para seus colaboradores e, consequentemente, para a empresa.

Vamos às dicas para prevenir as doenças ocupacionais

Bom, já entendemos o que são as doenças ocupacionais. Além de relembramos o que é segurança do trabalho e como ela pode te ajudar nessa questão. Com isso, vamos falar agora de dicas para evitarmos que as doenças ocupacionais se espalhem pelo ambiente de trabalho.

1 – Se preocupe com um ambiente de trabalho saudável! É um ponto muito importante, principalmente para que se evite problemas de estresse e transtorno mentais. Talvez essa seja uma das dicas mais valiosas. Se preocupe com o ambiente, faça com que o lugar seja agradável. Os colaboradores precisam ter o prazer de estar ali diariamente

2 – Utilize os canais de comunicação interna para conscientizar e alertar as equipes em relação aos mais variados riscos do dia dia, tantos físicos quanto mentais

3 – Promova palestras e treinamentos ministrados por profissionais especializados e capacitados. Essa atividade pode trazer aos colaboradores, os processos, regras e dicas com foco em saúde e boas condutas no ambiente laboral

4 – #Foco #Força e #Fé – Estimule a prática diária de exercícios no ambiente de trabalho, a famosa ginástica laboral. São exercícios que vão evitar doenças ocupacionais comuns, como as lesões por movimentos repetitivos. Não se esqueça de levar para o ambiente de trabalho um profissional gabaritado e especializado em ginástica laboral.

5 – Não economize! Tenha mobiliários adequados e de qualidade para a prática diária do trabalho. Ainda, que estejam adequados ao ambiente e com a correta acomodação ergonômica

6 – Tenha um programa de descanso entre as ocupações do dia. É sempre importante aquele descanso/parada, seja para um café ou para um papo.

7 – Informe sempre os colaboradores sobre os resultados obtidos a partir das avaliações realizadas no trabalho

8 – Dependendo do caso, oriente os funcionários a procurarem orientação médica. Se mantenha informado do caso, sempre dando todo o suporte necessário para que sua equipe possa se cuidar.

É importante frisar que todas essas ações e dicas devem ser realizadas por toda a empresa, inclusive os gestores.

Quer mais algumas dicas importantes para o seu dia a dia? Continue acompanhando nosso blog e curtindo nossas redes sociais.

 

Equipe Field Control

O Field Control é uma poderosa ferramenta de gestão para empresas prestadoras de serviços. Para o gestor, organização e controle da empresa. Para os técnicos, praticidade e mais rendimento nas atividades do dia a dia.

Modelo de Ordem de Serviço