Laudo técnico: o que é e quando emitir

Laudo técnico: o que é e quando emitir

Comprar, vender imóveis ou até mesmo reformá-los não é uma tarefa tão simples quanto se pensa. Além da parte burocrática de transferência de proprietário, escritura, negociação de pagamento, em alguns casos é necessária a emissão do laudo técnico.

Existem vários motivos para uma pessoa solicitar esse documento. O mais importante é que a emissão seja feita por profissionais habilitados e capacitados para a demanda. Além disso, a utilização de ferramentas adequadas e tecnológicas facilitam e melhoram o resultado final do laudo.

 

 

O que é laudo técnico? 

É um documento que previne muitas dores de cabeça. Antes de começar aquele quebra-quebra de uma reforma, o laudo técnico indica qual a situação daquela edificação.

Por meio de uma vistoria feita com fotos e análise criteriosa do local, o perito avalia se aquele imóvel, independentemente do porte, tem condições de passar por mudanças estruturais, sem causar nenhum dano próprio, na área em torno dele e também assegurar as pessoas que estarão trabalhando ou passando pelo local.

Dependendo da construção e do formato da reforma, consultar o histórico de tudo o que já foi feito na estrutura original é uma boa pedida. A partir disso, o profissional responsável fará uma análise com as condições atuais do imóvel, de acordo com as novas propostas de mudança indicadas por meio de um projeto da pessoa que o solicitou.

Segundo a EMAS Jr Consultoria, o laudo técnico:

  • Aumenta a segurança do imóvel e a vida útil da edificação;
  • Proporciona economia na obra;
  • Auxilia na viabilidade da obra ou reforma.

Quem emite e quem pode assinar o laudo técnico? 

A produção é feita por um engenheiro civil, arquiteto e profissionais habilitados para a demanda. Existem diversas empresas no mercado que são especializadas nesse tipo de serviço e que emitem o laudo técnico com qualidade e responsabilidade.

 

Como elaborar um laudo técnico? 

São várias as ferramentas que o engenheiro civil utiliza para emitir o laudo. Vamos explicar algumas delas:

Ordem de serviço

Tudo começa por ela. Se você atua em uma empresa de manutenção ou de engenharia, sabe que sem esse documento não tem como organizar a agenda e as demandas do dia. Por meio da ordem de serviço, o engenheiro responsável pelo laudo técnico terá acesso às informações básicas do trabalho a ser executado.

Por exemplo, a começar pelo endereço do local e nome do cliente. Depois disso, o que precisa ser feito naquela atividade. Ainda, indica o que realmente naquela visita para inspeção do laudo técnico foi feito. Traz a assinatura do solicitante indicando que a inspeção para o laudo foi realizada, assim como o do engenheiro que o emitiu, como comprovação do serviço executado.

A OS, como também é conhecida, serve como um documento de consulta. Em outras palavras, na dúvida sobre quando, onde e por quem a visita do laudo foi realizada, basta consultar o arquivo.

O cenário real

Infelizmente, nem todas as empresas se organizam a partir da emissão da ordem de serviço. Ou ainda quando a utilizam, perdem o papel ou não orientam sobre a necessidade do preenchimento correto e muito menos não têm nenhum arquivo para futuras consultas. É um cenário muito desafiador, principalmente para empresas que precisam aumentar a produtividade para lucrar mais.

Outro ponto é a qualidade do atendimento ao cliente. Se você e a equipe começam todo o processo de uma forma desorganizada e sem os processos e ferramentas adequadas, fica muito difícil o resultado ser satisfatório, que é o que o contratante deseja. Afinal, além do investimento, ele precisa daquele laudo. Caso contrário, não teria contratado a sua empresa para tal.

Você se identificou com esse cenário? Se a sua cabeça ou a voz que habita dentro de você sinalizou que sim, sentimos dizer, mas sua empresa está perdendo dinheiro.

 

laudo técnico

Antes de começar a reforma, solicite um laudo técnico. Foto: Pexels

Entenda o papel da ordem de serviço na emissão do laudo técnico

Quando o profissional não segue uma ordem, de acordo com a agenda estipulada, ou chega no local sem saber o que fazer, demonstra que a empresa não está preparada ou não deu a devida atenção para aquela visita.

Coloque-se no lugar do cliente. Você gostaria de ser atendido da forma que seu cliente é atendido hoje? Para não perder mais contratos e evitar que muitos fiquem por aí falando mal do seu negócio, implemente a ordem de serviço agora. O custo é quase zero, a depender do formato que você aderir. E se a equipe usa o modelo em papel, os riscos dos problemas citados acima são bem grandes de se tornarem reais.

Agora, se você está refletindo a um tempo sobre como sair da situação, esse momento chegou. Você tem a oportunidade aqui mesmo de baixar um modelo de ordem de serviço pronto. Ou seja, um problema já resolvido. É só clicar aqui no link e fazer o download sem pagar nada. É grátis, um presente da Field para a sua gestão.

Próximo passo

Feito isso, oriente a equipe para além do preenchimento. Os técnicos e engenheiros precisam adotá-la e entenderem a importância desse documento para a empresa como um todo.

Com a OS, o gestor tem condições de avaliar várias métricas essenciais para atingir as metas e objetivos da empresa. Entre eles, quantos laudos foram emitidos no mês, qual o tempo de cada visita, qual técnico que mais emitiu laudo em determinado período. Além de outros, a partir da necessidade individual do seu modelo de negócio.

Existe também a ordem de serviço em formato digital. Esse modelo promove diversas melhorias e facilidades como envio de visitas de técnicos e engenheiros que já estão na rua. Economiza ao poupar papel e otimiza a interpretação dos dados, já que o preenchimento é feito via aplicativo.

Veja como é simples:

 

Relatório fotográfico 

Aquele ditado “uma imagem vale mais que mil palavras” cabe muito bem quando se trata de um laudo técnico. Afinal, você ler que determinada parede ou viga tem uma infiltração é completamente diferente de ver, literalmente, o estado real desse processo que, mesmo pequeno, traz aspecto negativo visualmente e na estrutura.

A foto também é uma comprovação do estado real daquele imóvel ou de determinada parte dele. E assim como a ordem de serviço, o formato digital do relatório fotográfico permite fazer alterações em aqueles rabiscos. E caso a foto tirada não tenha ficado boa, é possível tirar outra e anexá-la na hora.

Sem contar que fazer um laudo com um smartphone na mão ao invés de andar com uma planilha e caneta, além dos instrumentos técnicos para a realização do laudo, é muito mais produtivo.

 

Como integrar as ferramentas para emissão do laudo técnico?

Essas duas ferramentas, ordem de serviço e relatório fotográfico, quando integradas a outras como checklist, controle de materiais e de estoque, roteirização, relatórios de produtividade produzidos de forma automática, melhoram e muito a rotina dos envolvidos no processo.

Todos esses itens descritos atuam integrados, por meio de um sistema digital que favorece o gestor que organiza a agenda, assim como o profissional que emite o laudo técnico.

Imagine você fazer o controle de toda a gestão em um único lugar: na tela do seu computador ou do seu smartphone e saber onde os técnicos estão em tempo real, o status de cada visita, a agenda do dia e do período que desejar e receber a avaliação de cada atendimento?

Se o seu objetivo é aumentar a produtividade, sem novas contratações, a tecnologia é a solução que sua empresa precisa. Além de eliminar os erros já citados acima, você reduz custos com papel, impressão e visitas refeitas por não cumprirem totalmente o protocolo.

Mesmo que você não seja um expert em tecnologia, o sistema é fácil e intuitivo. E por mais que a gente escreva aqui, nada vai se comparar a experiência que acontece na prática. Por isso, agende agora uma demonstração de como seria sua realidade, a partir do uso do Field Control. A experiência é gratuita e sua gestão e produtividade irão te agradecer. É só clicar aqui e mudar sua realidade agora.

 

Esse é apenas um dos muitos conteúdos produzidos pela Field Control. Acompanhe também nossas orientações sobre gestão de equipes e aumento de produtividade no nosso canal do YouTube.

Equipe Field Control

O Field Control é uma poderosa ferramenta de gestão para empresas prestadoras de serviços. Para o gestor, organização e controle da empresa. Para os técnicos, praticidade e mais rendimento nas atividades do dia a dia.

Utilizamos cookies para garantir a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a utilizar esse site, entenderemos que você concorda com isso. Visite nossa Política de Privacidade