Mantenabilidade na Engenharia de Manutenção

Mantenabilidade na Engenharia de Manutenção

A última letra da análise RAM merece um texto para chamar de seu. A mantenabilidade é parte importante da manutenção das indústrias e tem até norma que a regula.

Não sabe o que é análise RAM, este artigo te explica: Análise RAM: Confiabilidade, Disponibilidade e Mantenabilidade

Ela não é tão famosa assim como os outros facilitadores, mesmo assim, não deve ser deixada de lado e precisa fazer parte da planta industrial.

Mas o conceito é bem prático, alguns especialistas consideram um dos itens mais relevantes quando se trata da confiabilidade.

Por que será que ela leva esse título? Apenas por otimizar as ações de manutenção. Simples assim. Mas não é apenas o processo da manutenção em si.

Envolve a implementar a facilidade nos aspectos desde físicos até operacionais. E pode ser desde uma infra-estrutura completa, passando por edificações e indústrias.

A tecnologia está cada vez mais evidente. E com isso, novas máquinas, equipamentos e sistemas são inseridos no mundo industrial.

E não pense você que com toda essa nova geração de hardware e software que aplicada à mantenabilidade é do nosso tempo. Assim, do nosso tempo é. Mas não da nossa geração. Pelo mesmo, não a da Field.

Tudo começou lá pela década de 50. E os pioneiros foram os serviços militares americanos.

Mantenabilidade ou manutenabilidade. Não é uma prova de trava língua. Você pode escolher como chamá-la, as duas nomeações estão corretas e tem a mesma definição. A forma que você irá adotar aí na sua prestadora, fica a seu critério.

O que importa é que a execução seja feita da melhor forma possível, assim como toda a manutenção baseada na confiabilidade.

Norma NBR 5462

Datada de novembro de 1994, a Norma NBR 5462 estabelece e define termos relacionados à mantenabilidade e confiabilidade. É um documento de 37 páginas.

Sabe as temidas regras da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), que são o pesadelo da maioria dos acadêmicos? Então, ela que detém essa norma e determina o que é e como pode ser aplicada.

A descrita contida nela é a seguinte:

“Condições de um item ser mantido ou recolocado em condições de executar suas funções requeridas, sob condições de uso especificadas, quando a manutenção é executada sob condições determinadas e mediante procedimentos e meios prescritos”. São reconhecidos ainda os termos”.

Fatores da mantenabilidade

Promove a facilidade e menor tempo, promovendo a rapidez ao ser aplicada na manutenção de algo;

Pode ser utilizada como estratégia, de acordo com o modelo de gestão. E partir daí, reduzir custos e proporcionar maior confiabilidade e disponibilidade em todo o sistema;

Uma coisa é bem fato! Esse tipo de manutenção não casa com a corretiva, certo?

Basicamente, elas são opostas. Se você quer refrescar a memória ou aprender mais sobre esse tipo de manutenção que vai contra a redução de custos, é só clicar: Manutenção corretiva: como melhorar sua gestão.

A manutenabilidade precisa ser aplicada durante todo o ciclo de vida daquele determinado equipamento e/ou maquinário, sistema, enfim… onde há necessidade de ser executada.

Entre os itens que são analisados, estão: a facilidade e segurança na retirada de painéis, portas e determinados módulos.

Facilita a reposição de peças. Com isso, não esqueça de ter um bom estoque disponível. Para manter tudo muito bem organizado, não esqueça de ter uma planilha que atenda a todas as necessidades.

Por falar em planilha, a Field te oferece um modelo focado em prestação de serviços.

É só clicar no link e fazer o download. É seguro e o melhor, gratuito: modelo de planilha de controle de estoque. 

Como dar conta de tantos processos e tipos de manutenção diferentes?

Bom, o gestor tem qualidades de diversas profissões unidas em uma única pessoa. Só assim ele terá uma alta produtividade.

São diferentes tipos de manutenção para remanejar. Vários clientes. Diversas chamadas ao dia e algumas de emergência.

Equilíbrio e resiliência são sempre bem-vindos. Mas partindo da sua realidade, nem todo dia dá para se manter na pessoa mais organizada do mundo com tanta demanda. Você fez que sim? A gente sabe que fez.

A organização pode ser garantida. Independentemente do seu dia e do caos que se instalar na prestadora, é importante seguir sempre a agenda.

Otimizar os técnicos mais próximos às chamadas de emergências e garantir que eles estejam munidos das ferramentas necessárias para a execução daquela visita é possível. Não importa qual seja a demanda.

É aqui que a tecnologia do século 21 entra

Como deixamos a década do surgimento da manutenabilidade para trás e estamos há muitos anos na frente, podemos usar e abusar da tecnologia.

Com ela, é possível ter um boa organização e não se sentir pressionado sempre que um técnico perde uma ordem de serviço.

Esse documento bem importante pode ser digital. Assim como outros processos: check-list, relatório fotográfico , além da geolocalização dos técnicos e mais.

E se quiser um modelo, é óbvio que a Field tem: download de modelo de ordem de serviço.

Quer ver para crer? Você pode, por que não?

Não vamos te deixar com um gostinho e não de proporcionar uma demonstração do sistema de gestão de equipes externas. Isso seria triste demais.

Para saber como funciona na prática, é só se cadastrar e agendar sua demonstração AQUI.

Nos primeiros dias, toda a equipe envolvida na operação já irá sentir os primeiros impactos. E os clientes também.

Aproveite e coloque a casa em ordem. Renove os modelos de relatórios e implemente novos formatos de atendimento ao cliente.

Dessa forma, não tem como ter uma alta produtividade. A Field pode fazer isso por você. É só seguir com a gente e confiar.

Referência: 

VIEIRA.Sérgio José Rocha. A Adoção do Conceito de Mantenabilidade como Estratégia para a Inovação da Gestão da Manutenção Civil da FIOCRUZ. Fundação Oswaldo Cruz Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca Mestrado Profissional em Gestão de C & T em Saúde. Rio de Janeiro, 2007.

Equipe Field Control

O Field Control é uma poderosa ferramenta de gestão para empresas prestadoras de serviços. Para o gestor, organização e controle da empresa. Para os técnicos, praticidade e mais rendimento nas atividades do dia a dia.

Utilizamos cookies para garantir a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a utilizar esse site, entenderemos que você concorda com isso. Visite nossas Política de Privacidade