Como premiar funcionários: sugestões para PMEs

Blog da Field Control > Produtividade  > Como premiar funcionários: sugestões para PMEs
como premiar funcionários

Como premiar funcionários: sugestões para PMEs

Para manter a motivação dos funcionários em uma constante e refletir no ritmo de vendas esperado, aplicar algumas ações como a premiação é um bom caminho. Muitos gestores querem implementa-lá, mas não sabem como procedê-la. Neste texto, vamos te explicar como premiar funcionários e as formas disponíveis no mercado que facilitam o processo. Mas não se assuste! Nossas sugestões são focadas para pequenas e médias empresas, ou seja, cabem no bolso.

#Por que premiar funcionários?

Você deve estar se perguntando por que a Field está dizendo para a sua empresa premiar os  funcionários. Muito simples. Por mais que a gestão de pessoas e processos seja de alto nível, é comum haver picos de desmotivação. Além disso, não podemos esquecer que lidamos com pessoas. E os seres humanos são movidos por sentimentos e, muitas vezes, problemas pessoais podem impactar diretamente na produtividade.

Ainda, a premiação pode ser um aspecto muito atraente para futuros colaboradores. Além de ser incluída em um pacote de benefícios que torne sua empresa atrativa.

#Como premiar funcionários

Basicamente, o que vai determinar a forma de premiação da sua equipe é o quanto de investimento a empresa poderá dispor. Existem inúmeras formas, desde folgas até viagens internacionais ou automóveis. Mas como estamos falando com PMEs, citaremos prêmios factíveis e de acordo com a realidade.

#Formas de premiar funcionários

Cursos

Se você perguntar para sua equipe quem gostaria de fazer cursos relacionados ao segmento da empresa, provavelmente a maioria vai dizer que sim. É comum profissionais realizarem cursos rápidos de aprimoramento, principalmente os EAD e online. Ainda mais, se a empresa atuar em setores que estão em constante atualização.

Faça uma rápida pesquisa. Pontue quais os cursos mais cotados na sua equipe e as escolas e os insira em um ranking.

Caso esteja dentro do orçamento, deixe claro qual o curso e a escola que estarão como premiação e também os dias e horários, no caso de cursos que existem presença física. Afinal, não adianta contemplar o funcionário e ele não usufruir do prêmio for falta de agenda.

Uma sugestão para fugir do problema acima é oferecer uma cota: o premiado irá receber um vale para cursos em determinada escala de até R$ 500, R$ 1000 ou outros valores. O curso deve ser pago pela empresa e o dinheiro não será entregue à pessoa. O que está em prêmio é o curso, não o dinheiro em si.

Vale-presente

No mercado há infinitos formatos de vale-presente. Livrarias, lojas de cosméticos e departamentos, perfumarias e outros setores tem seus próprios vales. Se sua equipe for composta de leitores assíduos, vale-presente são bem-vindos, principalmente em caso de orçamentos enxutos. A pessoa simplesmente escolhe o que quer na loja, sem nenhum trabalho adicional para a empresa, além da compra do próprio vale.

Experiências

Passeio de balão, rapel, um tour a pé pelas baladas de São Paulo, um jantar no restaurante da moda. Que empresa não quer proporcionar esses tipos de experiência para os funcionários? Não pense que você terá que organizar tudo. Existem empresas que vendem pacotes e de acordo com a pontuação, escolhe o prêmio que mais agradar.

Focado na premiação de colaboradores, o Viva Experiência já tem pacotes prontos desde massagens até experiências internacionais.

Folgas

É a forma mais barata de oferecer um prêmio, mas tem seus custos. O funcionário ficará o dia (ou dias) fora e isso precisa ser muito bem planejado para que não haja um impacto negativo no setor que a pessoa atua. Caso as folgas sejam o modelo de premiação escolhido, não agende reuniões com a equipe ou clientes quando o colaborador estiver curtindo o dia. Nada mais desmotivador que planejar um dia de folga e depois ter que remanejá-la porque não houve compreensão do gestor ou coordenador.

Outro ponto que precisa de atenção é quando uma pessoa tira folga, geralmente no dia anterior trabalha mais e fica até depois do experiente organizando e distribuindo a tarefa para um possível substituto. O gestor pode aderir as demandas daquele dia e, como todo bom profissional, saberá o que está acontecendo e todas as ações em execução por aquele funcionário.

#Cuidados com a premiação

O funcionário não pode trabalhar 100% focado na premiação. A ação que envolve prêmios é apenas uma motivação para que o time sempre alcance as metas e objetivos da empresa. O líder também precisa estar atento para que seja uma competição saudável e justa. E também precisa estar em alerta  para que não aconteça erros durante a avaliação dos premiados. O foco da premiação é motivar. Claro que erros podem acontecer. Porém, premiar a pessoa que realmente se destacou naquela atividade ou em determinado período, é imprescindível. Um bom líder inspira, motiva e encoraja a equipe e manter bons resultados, sempre com proximidade, respeito e profissionalismo.

Por mais que a empresa tenha um processo de premiação bem consolidado e aceito pelos funcionários, os processos precisam estar bem definidos e alinhados. Se você ainda não tem essa questão bem definida na sua empresa, podemos te ajudar com as dicas já publicadas no nosso blog: Qual a importância dos processos na empresa?. 

 

Luiz Freneda

Luiz é um dos fundadores e responsável tecnologia da Field Control, que inclui o Aplicativo para celular, Painel de gestão, Site, demais sistemas e agora também o Blog ;)