Modelo de O.S.

BAIXAR

Dez qualidades que fazem um gestor de equipes externas, um ótimo líder

Dez qualidades que fazem um gestor de equipes externas, um ótimo líder

São tantos conceitos e dicas sobre liderança que nem sabemos quais devemos seguir. Talvez, se a gente unir todas as qualidades que grandes instituições procuram para os cargos de líderes, teríamos muitos super-homens por aí. Os líderes que atuam na gestão de equipes de campo precisam ser heróis da produtividade. Afinal, ela sim é capaz de salvar qualquer negócio que envolve prestação de serviços.

Nós da Field, adoramos falar sobre gestão, afinal, desenvolvemos um sistema focado em solucionar os problemas das equipes de campo. Com isso, vamos apontar as principais características que um líder da prestação de serviços precisa ter. Mas, você não deve ter todas. Uma porque seria impossível. E segundo, queremos que você foque 100% no desenvolvimento das características que trará uma melhor liderança para a sua gestão de equipes de campo.

Não sei se você reparou, mas lá no fim da página, tem a seguinte descrição: Desenvolvido em SJRP. com 💙. Porque em tudo o que a gente faz, nosso ingrediente principal é amor. Amor naquilo que fazemos todos os dias para levar o melhor para nossa galera, mas também para nossos clientes, que acreditam tanto na Field. E aqui, lá vai a primeira dica: coloque amor em tudo o que você fizer. O trabalho do líder é a base de sucesso de qualquer empresa.  Se não estiver rolando, estude a si mesmo, e analise se a liderança é realmente a missão que quer encarar para a vida.

Dez qualidades para líderes de gestão de equipes de campo

1 – Liderança

Para óbvio, mas não é. Não basta ter o cargo, é preciso exercê-la. E liderança, caro leitor, não é sinônimo de autoridade. Isso é coisa do passado. Estamos no século 21, e a liderança consiste em uma jornada e não um destino final. E ela deve ser trabalhada todos os dias. Isso, basicamente, se resume em transformar ideias em realidade.

Outro ponto é não confundir autoridade com respeito. Líderes têm o respeito como base do trabalho em equipe, e isso é construído dia a dia, de acordo com a forma de se relacionar com todos do ambiente e com que trabalha diretamente.

2 – Organização

Uma prestadora de serviços desorganizada não vai a lugar algum. São muitos os detalhes de uma visita de campo que precisam estar muito bem estabelecidos. E isso começa logo com a ordem de serviço. Desenvolver um passo a passo sobre como deve ser o processo de atendimento ao cliente é papel de líder e mais ainda, instruir como a organização deve ser feita, até o preenchimento dos documentos.

E não ainda orientar a organização, se sua própria mesa e relatórios estão aquela bagunça. Seja exemplo.

3 – Executa o planejamento em dia

Diversos planejamento fazem parte da rotina de uma empresa. Segui-los de acordo com o indicado para se alcançar metas é imprescindível. Tenha sempre os documentos e planilhas acessíveis. Assim, sempre poderá bater o olho e conferir se o trabalho com a equipe está de acordo com o esperado.

4 – Utiliza ferramentas práticas

Tomada de decisão também faz parte de ser um bom líder. E a implementação de tecnologias se encaixa aqui. Envolver a equipe nessa decisão pode ser uma boa sacada para tirar aquela dúvida se determinada ferramenta realmente trará bons frutos para a prestadora. Mas o ponto final deve ser sempre seu. E se você ainda não conhece o que a Field pode fazer para aumentar sua produtividade, #ficaadica para acessar nosso site: www.fieldcontrol.com.br.

5 – Boa comunicação

Mais que falar, ouvir. O relacionamento com o seu pessoal não precisa ser de melhores amigos. Mas ter abertura, disponibilidade de demonstrar acesso, é fundamental. A base das equipes altamente produtivas é a confiança. Os técnicos e os gestores precisam ser parceiros para fazer acontecer. A comunicação com compreensão gera resultados impressionantes. Você já tentou?

6 – Motiva e engaja a equipe

O ditado de quem uma maçã podre contamina o cesto todo é mais que verdadeira. Sabe aquele toque que te demos lá em cima sobre amar o que faz? Então, ser negativo e deixar claro que não gosta do que faz  pode ser bem recorrente. Não queremos que o gestor chegue todos os dias soltando fogos e sorrindo sem motivo. Mas manter a equipe em uma boa sintonia, sempre dando a real, lembrando a verdadeira missão da empresa e sentido do trabalho, fortalece o conjunto como um todo.

7 – Resolve problemas com praticidade

Problemas todo líder tem. Ainda mais que tem técnicos por toda a cidade realizando reparos diferentes, em diversas regiões. O lance aqui é saber resolvê-los com inteligência e sem procurar e julgar culpados. Foque na resolução mais inteligente no momento. Pare e, se precisar, se isole por alguns minutos. Respirar fundo e não ter dezenas de pessoas falando ao mesmo tempo é realmente um desafio. Após a solução, identificar a principal causa, foque na prevenção: como e porque aconteceu. Oriente a equipe como evitá-lo e a impacto direto na empresa.

8 – Tem um aprendizado contínuo

Livros, vídeos no YouTube, cursos presenciais e EAD. As opções são diversas, para todos os gostos e bolsos. Nunca pare de estudar e aprimorar seus conhecimentos. Inove, traga conceitos novos. E o principal, coloque tudo o que aprende em prática e compartilhe com seus técnicos. Não adianta se tornar profundo conhecedor de gestão, liderança e outros temas que te interesse, se tudo o que se aprende fica ali, nas páginas do livro ou no seu caderno de anotações.

Na Field, nós adoramos um bom livro técnico. Nossa galera lê tanto que dá até um orgulho, sabe (alguns chegam até quatro livros por mês). Fizemos uma lista para você se aprimorar e até indicar para seus amigos e sua equipe: Livros para gestores de equipes externas. 

9 – Proporcionar feedbacks

Resultados em equipe e individuais são importantes. Profissionais engajados querem sempre dar o melhor na prestadora. E para saber se estão no caminho certo e precisam ajustar algum processo, cabe ao gestor ser esse porta-voz. Um bom líder da gestão de equipes de campo é aquele que elogia na frente de todos. E se tiver algum ajuste, chame a pessoa para um café ou uma conversa particular.

10 – Reconhece o trabalho da equipe

Uma equipe é composta por diversas pessoas. Isso a maioria das pessoas sabe. E quando a meta for batida ou a avaliação da equipe como um todo estiver em alta, reconheça. Faça em grupo. Num café da manhã reforçado, antes de saírem para as visitas do dia. Estar na rua o dia inteiro, enfrentando trânsito, executando habilidades e cara a cara com o cliente que nem sempre está feliz pelo problema ocorrido é uma tarefa para os fortes. Valorize essa rotina.

 

É isso, ficamos por aqui. Desejamos que sua gestão seja cada vez mais produtiva. E se quiser compartilhar mais alguma qualidade que você considera essencial, é só compartilhar com a gente nos comentários. Gostamos também de receber dicas de livros. Pode escrever tudo lá. E antes do nosso até logo, porque sabemos que nos veremos em breve, não esquece do nosso convite, e venha nos conhecer: www.fieldcontrol.com.br.

Equipe Field Control

O Field Control é uma poderosa ferramenta de gestão para empresas prestadoras de serviços. Para o gestor, organização e controle da empresa. Para os técnicos, praticidade e mais rendimento nas atividades do dia a dia.

Modelo de Ordem de Serviço